Rafael “Pastel” é executado a tiros dentro de oficina no Santo Antônio do Monte em Itamaraju


Itamaraju: Na noite desta quarta-feira, 22 de agosto, Rafael Santos Brito, o “Pastel”, 29 anos de idade, foi executado a tiros dentro de uma oficina mecânica, no Bairro Santo Antônio do Monte, em Itamaraju. Segundo informações, a vítima foi surpreendida por criminosos, que chegaram no estabelecimento e efetuaram disparos à queima roupa.

Rafael morreu instantaneamente, e uma equipe da 43ª CIPM chegou rapidamente ao local, tomou as primeiras providências e preservou a área até a chegada da Polícia Civil, que realizou o levantamento cadavérico, sob o comando da delegada titular, Rosângela Santos. Após procedimentos de praxe, o corpo foi removido ao IML de Itamaraju, onde passará por necropsia.

Rafael foi preso em novembro de 2015 pela Polícia Militar, quando uma guarnição se deslocou até o Bairro Liberdade, em Itamaraju, para averiguar a denúncia de que um veículo Fiat Palio, de placa policial OLG 5371 (roubado no dia anterior), teria sido abandonado. Chegando ao local, os militares flagraram o Rafael Santos Brito, em posse de uma mala contendo diversos objetos da vítima do roubo. Na ocasião, ele foi autuado por crime de furto.

Rafael sofreu uma tentativa de homicídio, após uma suposta tentativa de roubo, fato ocorrido no dia 23 de março deste ano em Teixeira de Freitas. Segundo informações da época, dois criminosos armados teriam chegado armados em um oficina, no Bairro Vila Caraípe, anunciaram o assalto e pediram a chave de um dos carros.

No local, além de Rafael, estaria um funcionário e outra pessoa, que juntos tentaram fugir, momento em que os criminosos efetuaram um disparo. O Rafael acabou sendo atingido nas costas. Após efetuar o tiro, os criminosos fugiram sem levar o veículo. O Rafael foi socorrido ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas e encaminhado ao Centro Cirúrgico.

No último dia 11 do mês de agosto, “Pastel” foi preso juntamente com outro suspeito, por policiais militares da 43ª Companhia Independente da Polícia Militar, sob acusação de porte ilegal de arma de fogo. Os policiais ainda apreenderam com os dois suspeitos, bloqueadores de alarmes de veículos e uma balança de precisão.

O corpo de Rafael (Pastel) será necropsiado na manhã desta quinta-feira (23), sendo liberado posteriormente aos familiares. A delegada Rosângela instaurou inquérito policial para investigar autoria e motivação do crime.