Prado: Moradores do distrito do Guarani reclamam de abandono do poder público


A comunidade do Distrito do Guarani, se diz abandonada e sofrendo com o descaso do poder público. Ruas sem condições de tráfego; esgoto a céu aberto; posto de saúde sem medicamentos, são algumas das reclamações dos moradores.

Segundo o relato, os moradores estão cansados de pedir para a Prefeitura, e até mesmo socorro para o vereador Jorginho, mas os problemas persistem.

“Aqui em nosso bairro a prefeitura não faz porque não quer. O uso de máquina de terraplanagem e caminhões de cascalho já resolveria parte do problema. Nosso posto de saúde não tem medicamentos. Quando falamos ao vereador Jorginho sobre o problema ele diz que não é o prefeito do município e que tem que cobrar a prefeita” disse um morador que preferiu não se identificar temendo retaliações por ser contratado.

“As ruas com buracos imensos que enchem de água e lama em épocas chuvosas atrapalham constantemente a nossa vida. A prefeitura não manda o limpador de fossa, estamos abandonados. Estamos cansados de protocolar pedidos às autoridades para que algo seja feito em nossa região”, complementa indignado. 

Outro morador relatou na sua rede social (facebook), mais um descaso no distrito de Guarani, local onde a maioria das ruas não são calçadas e a situação precária vem deixando os moradores revoltados com a administração.

Ninguém resolve esse problema! Os moradores não merecem viver assim”, disse Marcos Chaves.

Segundo imagens fornecidas pela comunidade, é perceptível a dificuldade dos moradores em sair de suas casas por conta da situação das ruas.

Oferecer uma infraestrutura digna para a população de todo território pradense é mais que obrigação da prefeitura, é um dever tendo em vista o alto valor arrecadado pelo município. Além de tudo, é ter respeito pela população.

Os comentários estão desativados.