Homem é preso por invadir área de preservação e portar armas de fogo em Posto da Mata


Nova Viçosa: Na última terça-feira, 26 de setembro, policiais militares da 89ª CIPM prenderam um homem que invadiu uma área de preservação ambiental pertencente à empresa Fibria, área localizada na zona rural de Posto da Mata, distrito de Nova Viçosa. Com o suspeito os militares apreenderam armas de fogo, e materiais usados para recarregar arma e para caça.

O suspeito foi identificado como sendo, João de Lima, 37 anos de idade. Com João, os militares encontraram 01 espingarda tipo cartucheira e 01 espingarda tipo chumbeira, bem como material de caça. Segundo os militares, só foi possível a prisão, após uma denúncia anônima, que relatou que o suspeito sempre pratica o crime de violação em áreas de proteção ambiental.

O ambiente é protegido pela Lei n.º 9.605 de 12 de fevereiro de 1998 (Lei de Crimes Ambientais), que determina as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente. João foi preso e todo o material apreendido, e o caso foi encaminhado para a sede da 8ª COORPIN, onde o caso foi registrado e apresentado ao delegado Maderson Souza Dias.

O delegado ouviu os militares e também representantes da empresa Fibria e, logo após, ouviu o suspeito que foi flagranteado por porte ilegal de arma de fogo e por crime ambiental. João segue preso à disposição da Justiça.

Com informações do LiberdadeNews