Embarcação da travessia Salvador-Mar Grande vira na Baía de Todos-os-Santos; número de mortos sobe para cinco


Lancha tinha capacidade para 160 passageiros e transportava 129.

Cinco pessoas morreram e 21 foram resgatadas com vida após uma lancha virar na travessia entre Mar Grande e Salvador, na Baía de Todos-os-Santos, na manhã desta quinta-feira (24). A informação é confirmada pela Marinha.

Segundo a Marinha, informações passadas pela Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab), apontam que a embarcação tinha capacidade para 160 passageiros e transportava 129 no momento do acidente.

A Marinha ressalta que embarcações particulares também fizeram resgates e, por isso, ainda não é possível afirmar precisamente o número de pessoas retiradas do mar.

Segundo informações da assessoria da Prefeitura Municipal de Vera Cruz, o acidente ocorreu a cerca de 200 metros do terminal marítimo do município, que fica na praia de Mar Grande. A embarcação seguia para Salvador e virou por volta das 6h30.

De acordo com a Capitania dos Portos, três equipes em três navios foram encaminhadas para o local do acidente.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe do Grupamento Aéreo (Graer) está no local colaborando com os trabalhos de busca. A corporação diz que transportou um dos sobreviventes para o Hospital do Subúrbio, em Salvador.

Além disso, a 55ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) também prestou socorro a algumas vítimas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Mar Grande, como também para o Hospital Geral de Itaparica. O Corpo de Bombeiros da Bahia também enviou equipes para a localidade.

Durante essa semana, a travessia Salvador-Mar Grande realizou paradas por conta do período de maré baixa prolongado, já que o terminal de Vera Cruz, que é utilizado pela travessia, fica inoperante. Na quarta-feira (23), por conta dos fortes ventos e mar agitado, a Astramab chegou a suspender a operação das escunas de turismo, o que já tinha ocorrido na terça-feira (22).