Corpo é encontrado em plantação de eucaliptos com marcas de violência em Teixeira


Teixeira de Freitas: Na tarde desta quarta-feira, 01 de novembro, a Central de Polícia Militar foi acionada e informada da localização de um  corpo em meio à plantação de eucalipto, na zona rural de Teixeira de Freitas. Os militares, então, informaram o caso à Polícia Civil e a delegada plantonista, Maria Luíza, juntamente com o investigador Águia, se deslocou até o local para realizar o levantamento cadavéricao.

Como não havia maiores informações sobre o caso, a delegada solicitou a presença do Departamento de Polícia Técnica, que acompanhou a delegada até o local, localizado na estrada que liga Teixeira à Juerana, na zona rural de Teixeira. No local, foi encontrado um corpo nu, do sexo masculino e em decúbito dorsal. Durante perícia no local, os peritos Eder Ramos e Pablo Bomjardim identificaram que a vítima apresentava marcas de violência pelo corpo.

O corpo apresentava marcas de esganadura na região do pescoço, um corte na região da cabeça possivelmente causado por um objeto contundente, e sinais nas mãos e nas pernas, como se o corpo tivesse sido amarrado. Após trabalhos periciais a delegada autorizou remoção e o corpo foi removido do local pelo agente Edmílson, que o encaminhou para o IML de Teixeira de Freitas. Até o momento, o corpo não foi identificado, mas, informações dão conta de que a vítima já foi vista na feira em Teixeira de Freitas.

Por se tratar de uma área afastada da cidade e por ser uma plantação de eucaliptos, o caso é tratado como execução e a delegada irá instaurar um inquérito policial para identificar a vítima e investigar autoria e motivação do crime. A Polícia pede que se alguém tiver algum familiar desaparecido, procure imediatamente a Delegacia de Polícia Civil.

Por LiberdadeNews