Delator muda versão e diz que não houve propina na campanha de Dilma e Temer


O empreiteiro Otávio Marques de Azevedo, um dos delatores da Operação Lava Jato, disse hoje (17) em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que não houve doação eleitoral em forma de propina para a chapa da campanha presidencial Dilma-Temer de 2014.  Azevedo é ex-presidente da Andrade Gutierrez.

Otavio-Azevedo

Segundo advogados que presenciaram a audiência, Azevedo retificou depoimento prestado anteriormente no qual confirmou os repasses em forma de propina para os comitês da ex-presidenta Dilma e do então vice, Michel Temer.

O delator foi chamado a depor novamente na Justiça Eleitoral por determinação do ministro Herman Benjamim, que atendeu pedido feito pelos advogados da campanha de Dilma.

Os defensores afirmaram  ao TSE que cerca de R$ 1 milhão, valor que teria sido recebido de propina pela empreiteira e repassado como doação de campanha, foram transferidos em julho de 2014 para o diretório nacional do PMDB, e não do PT, como disse Azevedo em um primeiro depoimento.

De acordo com o advogado Flávio Guedes, representante do PMDB,  Azevedo retificou seu depoimento e disse que todas as doações feitas ao partido e para Dilma foram legais, inclusive o repasse que consta em um cheque de R$ 1 milhão repassado à campanha de Temer.

“Foi um depoimento de retificação em que ele apresentou a nova versão dizendo que se equivocou em relação ao primeiro depoimento e que, ao contrário do que disse, não houve da Andrade Gutierrez, nenhum valor de propina para a campanha presidencial de 2014.” disse Guedes.

O advogado da campanha de Dilma, Flávio Caetano, também confirmou que Otávio de Azevedo reconheceu que “não houve nenhuma propina e nenhuma irregularidade na campanha de Dilma e de Temer”.

“Dos 25 testemunhos de acusação, era o único que tinha dito que tinha alguma irregularidade na campanha. Hoje cai por terra toda e qualquer acusação de irregularidade na arrecadação da campanha de Dilma e Michel Temer”, afirmou Caetano.

Após o depoimento, que durou cerca de duas horas nesta noite, Azevedo foi abordado pela imprensa e evitou fazer comentários sobre seu depoimento, mas disse que está “tranquilo”.

“Da minha parte estou bastante tranquilo, como vejo que tem que ser. Vamos continuar olhando para a frente. Olhando para essa caminhada para a frente”.

Em dezembro de 2014, as contas da campanha de Dilma e do então vice-presidente Michel Temer foram aprovadas, por unanimidade, no TSE. No entanto, o PSDB questionou a aprovação por avaliar que havia irregularidades nas prestações de contas apresentadas por Dilma, como doações suspeitas de empreiteiras. Conforme entendimento atual do tribunal, a prestação contábil da chapa é julgada em conjunto.

Por Agência Brasil

Garotinho é transferido para presídio em Bangu, Zona Oeste do Rio


O ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, foi transferido no fim da noite desta quinta-feira (17) para o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio. Imagens veiculadas pelo “Jornal das Dez”, da GloboNews, mostram o momento em que Garotinho é levado de maca para uma ambulância e se debate, parecendo estar bastante alterado.

A filha do político, a deputada federal Clarissa Garotinho, chora e grita que o pai “não é bandido” e tenta entrar à força na ambulância, sendo contida pelos policiais da escolta, enquanto Garotinho tenta se levantar, gesticulando e gritando contra os agentes e profissionais médicos que o conduzem. São necessários quatro homens para conter o ex-governador.

Preso pela Polícia Federal na quarta-feira (16) sob a acusação de usar programas sociais para comprar votos, Garotinho estava internado no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro da cidade, por ter se sentido mal após ser preso.

Nesta quinta-feira, o juiz responsável pela prisão do político, Glaucemir de Oliveira, de Campos, Norte Fluminense, determinou sua transferência para Gericinó.

Exame marcado para segunda-feira
Garotinho foi levado para Gericinó apenas algumas horas depois de a Secretaria Municipal de Saúde do Rio informar que ele permaneceria internado no Souza Aguiar até segunda-feira (21), para fazer exame de cateterismo que investigaria se há obstrução em alguma artéria coronariana.

Após ser preso, o ex-governador se queixou de dores no peito e alteração na pressão arterial e em batimentos cardíacos. Ao ser submetido a um ecocardiograma de esforço, realizado na manhã desta quinta, ele se queixou de dor intensa, que sugere um quadro de angina, levando os médicos a recomendar o cateterismo, agendado para o Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro (IECAC).

Garotinho chegou a pedir transferência para o Hospital da Unimed, na Barra da Tijuca, onde recebe tratamento cardíaco, mas não conseguiu. Segundo a SMS, a prefeitura deu autorização para a transferência, mas a Polícia Federal negou o pedido.

Anthony Garotinho é transferido de hospital para presídio em Bangu no Rio (Foto: Alexandre Cassiano/Agência O Globo)
Anthony Garotinho é transferido de hospital para presídio em Bangu no Rio (Foto: Alexandre Cassiano/Agência O Globo)

Criança foge e passa 3 dias na mata com medo de apanhar da mãe


Uma criança de seis anos fugiu de casa, na zona rural de Cotegipe, região oeste da Bahia, e passou três dias desaparecida na mata, até ser localizada por equipes de busca, no domingo (14). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o menino fugiu de casa porque estava com medo de apanhar da mãe, depois de machucar o irmão durante uma brincadeira. Durante a operação, os bombeiros chegaram a usar um helicóptero para encontrar a criança. Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, o menino machucou o irmão durante uma brincadeira na tarde de sexta-feira (12), e correu para mata na tentativa de fugir da mãe, que estava ameaçando bater na criança. Após horas se passarem, e a criança não retornar, os pais pediram ajuda de outras pessoas da região para localizar o filho.

Sem sucesso nas buscas, a família acionou o Corpo de Bombeiros, que montou uma operação para localizar a criança. Na tentativa de facilitar a busca, os bombeiros usaram uma helicóptero do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA). De acordo com os Bombeiros, normalmente a aeronave é utilizada para combater incêndios florestais. O menino foi encontrado por um grupo de buscas no domingo, em uma estrada de barro, a cerca de 30 quilômetros do local onde ele desapareceu. O major do Corpo de Bomebeiros, José Manoel Lusquinhos, informou que a criança estava consciente, mas em estado debilitado.

“Ele deu sorte que choveu durante o fim de semana, então ele conseguiu se hidratar. Além da água da chuva, ele contou que comeu algumas plantas que encontrou na região”, contou o major. A criança foi encaminhada para o Hospital do Oeste, em Barreiras, onde passou por alguns exames, mas na manhã desta segunda-feira (14), já havia recebido alta para retornar para casa.

Ainda de acordo com o major, a criança contou que ouviu o barulho do helicóptero, e gritos dos grupos de busca, mas que se escondeu para não ser localizado. “Ele estava com medo de voltar para casa, e se manteve escondido, o que dificultou a operação, mas no final deu tudo certo”. A reportagem entrou em contato com a delegacia da cidade, mas até a manhã desta segunda, o caso não havia sido registrado pelos policiais.

Fonte: G1

WhatsApp já permite fazer chamadas de vídeo; saiba como


Após meses de espera e muitos pedidos dos usuários, o WhatsApp finalmente começa a liberar nesta segunda-feira, 14, o recurso de chamadas em vídeo. A novidade vinha sendo testada na versão beta do aplicativo há algumas semanas.

20161114175735_660_420

Segundo a assessoria do WhatsApp, a atualização pode levar alguns dias para chegar a todos os usuários, mas está programada para ser liberada para celulares Android, iOS ou Windows Phone. Por isso, se você não receber logo, não se desespere, porque vai chegar.

Para fazer uma videochamada, o caminho é muito simples:

1) Abra a janela da conversa com quem você quer falar;
2) Toque no ícone do telefone no canto superior direito da tela;
3) Selecione a opção “Chamada de vídeo”.

Reprodução

Pronto. Agora é só conversar com seus amigos ou familiares por áudio e vídeo.

Por Olhar Digital

Gravida de 5 meses morre depois de sofrer acidente de moto


b1f0083e72a1d7fc9822055576d5bde6a67b47df

O acidente aconteceu por volta das 14h30min desta terça-feira, 1º de novembro, na BR 101, em Eunápolis.

Ana Júlia Batista Ramos de 16 anos, estava grávida de cinco meses, ela estava a bordo de uma moto com seu namorado, Iago Brener de 19 anos, quando chegou próximo ao Posto Cabral, o jovem tentou fazer uma ultrapassagem e foi surpreendido por um carro que atravessou a pista.

A pista estava molhada, e o rapaz não conseguiu controlar a direção da moto. Os dois caíram no chão, a moça chegou a dar entrada no hospital municipal, mas não resistiu ao ferimento e morreu no inicio da noite

Com informações do Sulbahianews

Ocupação impede prova e Enem é adiado em Teixeira


03

A cidade de Teixeira de Freitas está entre as cidades que tiveram a data das provas do Enem alterados.

191.494 dos 8,7 milhões de inscritos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não poderão fazer a avaliação no próximo fim de semana. A decisão foi divulgada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em razão de 304 ocupações em colégios listados como locais de provas.

No meio da tarde desta terça-feira, 1 de novembro, a assessoria do Inep divulgou uma lista parcial informando os novos locais em alguns municípios, entre eles, está a cidade de Teixeira de Freitas, onde 664 alunos que prestariam o exame na UFSB – Campus Paulo Freire, no próximo final de semana, só poderão fazer a prova nos dias 3 e 4 de dezembro.

A lista com todas as escolas ocupadas deve ser publicada a partir das 18horas no site do Inep. As ocupações em diversos estados são motivadas pela rejeição à medida provisória que trata da reforma do ensino médio e também contra a PEC do teto de gastos públicos.

Inicialmente, as provas deveriam ser realizadas em 16.476 locais de 1.727 municípios. Porém no dia 19 de outubro, o ministro da Educação, Mendonça Filho, disse que havia 181 escolas do país ocupadas que poderiam comprometer a realização do Enem para 95 mil alunos participantes.

O ministro chegou a dizer que caso as provas precisassem se reaplicadas posteriormente, os custos da aplicação (cerca de R$ 90 por aluno) serão cobrados judicialmente de alunos e entidades que sejam identificados como responsáveis pelas ocupações.

O MEC enviou ofício dando o prazo que se encerrou nesta segunda-feira, 31 de outubro, para que identifiquem e encaminhem ao governo federal os nomes de manifestantes que ocupam campi dos institutos federais pelo país.

Os alunos afetados começaram a receber avisos via SMS nesta noite, na mensagem terá a nova data programada.

É importante lembrar que para realizar as provas do Enem, é necessário apresentar um documento de identificação original com foto. Certifique-se de levar ao menos um deles, seja ele RG, CPF, CNH, ou até título de eleitor.

Esqueça lápis, lapiseira, borracha ou caneta azul. De acordo com o edital do Enem, os candidatos só podem levar consigo canetas de tinta preta para realizar a prova. Elas também precisam ter o corpo transparente, de forma que o fiscal possa enxergar o interior da caneta.

Mulher procura por irmão que não vê há vários anos em Prado


Leidinalva Batista Rodrigues Pereira, de 45 anos, residente em Cariacica (ES), procura pelo seu irmão Renildo Batista Gomes, de 36 anos, que não encontra a vários anos.

54776_Papel-de-Parede-Mapa-Mundi_1400x1050

Segundo informações de Leidinalva, a ultima notícia que tive dele, era que Renildo Batista, estava morando na Rua dos Aymores, em Prado. Ela ainda contou para a nossa redação que, esteve no município pradense no ano passado e não conseguiu vê-lo, a mesma teme que tenha acontecido algo de pior com o sue irmão.

Se você tem alguma informação que possa ajudar no reencontro, entre em contato pelo telefone (27) 99798-9488 ou para o site Prado Notícia (73) 99940-7562

Álcool com energético tem o mesmo efeito que cocaína, aponta estudo


Uma mistura que é feita com frequência na balada pode colocar a saúde das pessoas em risco. Cientistas da Universidade Purdue, nos Estados Unidos, apontaram que a mistura da vodca com o energético altera a massa encefálica do cérebro, tendo efeitos muito parecidos com os da cocaína.

0-2
foto reprodução – google

Os testes, que foram realizados com cérebros de ratos adolescentes, apontaram que o centro de recompensas do cérebro é alterado quando a mistura é ingerida e que os jovens sentem mais dificuldades em lidar com as substâncias prazerosas. Os cérebros ainda apresentaram a proteína ΔFosB em grande quantidade, semelhante ao que ocorre de quem utiliza cocaína ou morfina.

Os ratos, quando adultos, se tornaram resistentes à sensação de prazer da cocaína. “Tudo indica que as duas substâncias misturadas causam mudanças de comportamento e na neuroquímica do cérebro. Há claramente efeitos em tomar essa mistura que não existiriam quando se toma o álcool ou o energético separadamente”, disse Richard van Rijn, um dos autores do estudo.

Imprensa mundial lamenta a morte de Carlos Alberto Torres, capitão do tri


A imprensa mundial repercutiu nesta terça-feira a morte de Carlos Alberto Torres, capitão da seleção brasileira na conquista do tricampeonato mundial de 1970, no México. O diário inglês “Mirror” publicou a seguinte manchete em sua página na internet: “Carlos Alberto morreu: o lendário capitão campeão do mundo morreu, aos 72 anos”.

capita

O também britânico “The Sun” também seguiu uma linha parecida com o “Mirror” ao informar a morte do eterno capitão do tri: “Carlos Alberto morreu: capitão do Brasil campeão de 1970 morreu aos 72 anos”. A publicação lembra ainda do golaço marcado por Torres na vitória por 4 a 1 sobre a Itália na final da Copa do Mundo do México.

O diário francês “L’Equipe” lamentou a morte de Carlos Alberto Torres e publicou a seguinte informação: “Carlos Alberto Torres foi vítima de um ataque cardíaco aos 72 anos nesta terça-feira. Campeão do mundo em 1970 com o Brasil, ele era o capitão do time. Marcou um gol histórico com passe de Pelé na final da Copa contra a Itália (vitória por 4 a 1). Muitos consideram esse o gol mais bonito da história dos Mundiais”.

A rede britânica “BBC” também destacou a morte do capitão em sua página na internet. Escreveu o seguinte: “Ele marcou um dos maiores gols na história da Copa do Mundo de 1970, na final contra a Itália. Ele também ganhou títulos nacionais com Fluminense e Santos. Morreu no Rio de Janeiro, vítima deu um ataque cardíaco”.

O site “Eurosport” também destacou o golaço na vitória por 4 a 1 sobre a Itália na final da Copa do Mundo de 1970 para lembrar de Carlos Alberto Torres. E publicou: “Descanse em paz”.

Na Catalunha, o diário “Sport” também destacou em sua página na internet a morte de Carlos Alberto Torres. Lembrou do título mundial de 1970, e assim como outros veículos fez referência ao golaço do lateral-direito na final do Mundial de 1970, no México.

Em Madri, capital espanhola, o diário “AS” publicou a morte de Carlos Alberto Torres lembrando que ele foi ídolo de Fluminense, Botafogo, Flamengo e Santos, além do Cosmos em que jogou ao lado de Pelé e Beckenbauer. Conquistou títulos importantes como duas ligas brasileiras (1965 e 68), uma Recopa Sul-Americana em 1968. Como treinador, ganhou o Campeonato Brasileiro de 1993 com o Flamengo e a Copa Conmebol de 1983 com o Botafogo.

por globoesporte

Motorista pode ser multado por som alto, independente do volume


BRASÍLIA – O motorista que tiver com som alto dentro do carro, perturbando sossego público, poderá ser multado por infração grave e ganhar cinco pontos na carteira . A medida foi regulamentada pela resolução nº 624 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e já está valendo.

Foto-0461

A partir de agora, o agente de trânsito não vai precisar mais medir o volume de decibéis. A multa poderá ser aplicada “independente do volume ou frequência”, informou o Ministério das Cidades. Antes, era necessário o uso de um aparelho chamado decibilímetro para verificar se o volume estava dentro do limite aceitável pela lei.

A multa por infração grave é de R$ 127,69, sendo que a partir de 1º de novembro será reajustada para R$ 195, 23.

Estão liberadas as buzinas, alarmes, sinalizadores de marcha a ré, sirenes e componentes obrigatórios do veículo. Também é permitido utilizar som específico em locais de competição ou de apresentação em locais permitidos pelas autoridades competentes.

O Contran aprovou também outras duas resoluções, que estabelecem limite máximo de peso bruto aos veículos rodoviários de transporte coletivo de passageiros e requisitos de segurança para veículos que transportam presos.

Por Oglobo