Alcobaça completa hoje 246 anos de emancipação política


Hoje (12), o município de Alcobaça, ao sul do Estado, completa 246 anos de emancipação política. Sua origem remota de uma vila criada em 12 de novembro de 1772 pelo Ouvidor José Xavier Machado Monteiro no local denominado Arraial de Itanhém, situado às margens do Rio Itanhém, no extremo sul da Bahia.

Imagem Google

Diz uma lenda (não comprovada) que os primeiros moradores da Alcobaça brasileira eram oriundos da Alcobaça portuguesa. Até o século XIX a cidade foi ocupada por grandes senhores de escravos, sendo que uma das senzalas ainda está de pé no centro da cidade.

A história de Alcobaça está refletida também nas ruas do centro, onde estão localizados os casarões e sobrados antigos, e nas fazendas centenárias, embora o visitante e, às vezes, os próprios moradores nem se dêem conta das relíquias arquitetônicas de Alcobaça.

Alcobaça guarda os segredos dos tesouros que corsários franceses enterraram em seu litoral há séculos e as lembranças das primeiras expedições colonizadoras dos portugueses, que elegeram São Bernardo o protetor da cidade.

A tranqüilidade reina à beira mar de Alcobaça. A Matriz de São Bernardo, na pracinha, o casario colonial, a fonte da cacimba, as ruas arborizadas com suas casinhas enfileiradas, proporcionam uma estadia calma e divertida para quem deseja fazer turismo ou curtir um veraneio. Além da história, do sol, e dos muitos quilômetros de praias ainda inexploradas, Alcobaça é um dos portões de entrada para o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos.

O mar, o manguezal e os rios propiciam a mesa farta de camarões, siris, gaiamuns, pitus, ostras e uma grande variedade de peixes, que fazem a festa da culinária típica regional. O clima tropical, o ano inteiro, faz brotar uma infinidade de frutas deliciosamente tropicais como caju, manga, pitanga, carambola, maracujá, abacaxi, acerola, mamão, cajá e coco, matérias-primas para sucos, doces e sorvetes que podem ser saboreados nos bares, restaurantes e sorveterias da cidade.

Parabenizamos a cidade de Alcobaça e desejamos aos filhos desta terra muita coragem e força para trabalhar e lutar pelo bem estar pessoal e pelo crescimento dessa terra, realizando todos os desejos que venham a edificar seu município e também dignifica-los como seres humanos.

Os comentários estão desativados.